Encontros Feministas

Debate com feministas da América Latina terá transmissão online

O 8 de Março de 2017 ficou na história da movimentação das mulheres em todo o mundo, como um grito por liberdade, pela garantia de direitos e pela luta por um mundo onde as desigualdades e a opressão não sejam marcadores dos corpos e das vidas das mulheres. E este também é o ano do XIV Encontro

III EFLAC: Bertioga, Brasil (1985)

Do Encontro realizado de 31 de julho a 4 de agosto, participaram cerca de 840 feministas. Na programação, as atividades de discussão passaram a ser simultâneas e reduziu-se o número de plenárias. Uma comissão Organizadora autônoma se propôs a preparar o Encontro mediante um processo participativo. Através de um formulário de pré-inscrição, as feministas foram

II EFLAC: Lima, Peru (1983)

600 mulheres estiveram presentes neste Encontro, realizado no Club Campestre El Bosque, na capital do Peru, Lima. O objetivo era debater as correntes internas do movimento, para através dos aportes de todas elas construir uma identidade própria do Encontro e referendar seu caráter democrático. Assim, o Patriarcado foi eleito como eixo de discussão central e

I EFLAC: Bogotá, Colômbia

Os preparativos para este Encontro começaram em maio de 1980 e foram marcados por intensos debates. Seus objetivos eram: “Fazer uma reunião de mulheres latinoamericanas comprometidas com uma prática feminista, para trocar experiências, opiniões, identificar problemas e avaliar as distintas práticas desenvolvidas, assim como planejar tarefas e projetos para o futuro. A participação será individual,

Antecedentes dos Encontros Feministas Latinoamericanos

– 1910: I Congresso Feminino Internacional, Buenos Aires (Argentina). – 1916: Primeiro Congresso Feminista de Yucatán (México) – 1978: Primeiro Encontro Nacional de Mulheres, Medellín (Colômbia).     Referências: ENCUENTROS FEMINISTAS LATINOAMERICANOS Y DEL CARIBE: APUNTES PARA UNA HISTORIA EN MOVIMIENTO, de Alejandra Restrepo e Ximena Bustamante.  Los Congresos Feministas de Yucatán en 1916 y su influencia

Marcha Mundial das Mulheres realiza 4ª ação internacional

Com o lema “Seguiremos em marcha até que todas sejamos livres”, a 4a ação internacional da Marcha Mundial de Mulheres acontecerá em Varzelândia, Minas Gerais, em parceria com o Coletivo de Mulheres do Norte de Minas, entre os dias 17 a 19 de abril de 2015. Na região, há intensa atividade de mineração para a

13o Encontro Feminista Latino-Americano (2014) – O que teve?

Entre os dias 22 e 25 de novembro aconteceu o 13º Encontro Feministas Latinoamericano e do Caribe na cidade de Lima, capital do Peru. O último encontro havia acontecido em 2011, em Bogotá, Colômbia. No ano de 2011 as feministas latinoamericanas e caribenhas comemoraram 30 anos de história dessa mobilização que reúne feministas de diversos

Acompanhe o Encontro Feminista na radio

Quer acompanhar o EFLAC pela Web? Todos os dias do Encontro, entre 16h e 20h (Horário de Brasília) a rádio web oferecerá uma experiencia de comunicação feminista participativa e comunitária. É só acessar www.13eflac.org, em espanhol. Durante as manhãs, também sera possível acompanhar as plenárias via streaming. A programação, no horário de Brasília, é: De

Cobertura comunicativa colaborativa e feminista do 13o Encontro Feminista Latino-Americano e Caribenho

Entre os dias 22 e 25 de novembro de 2015, estivemos no Encontro Feminista Latino-americano e Caribenho, numa iniciativa de cobertura colaborativa do Encontro para o Brasil. Essa empreitada contou com a colaboração das Blogueiras Feministas e Blogueiras Negras. As dificuldades de acesso a internet (o Encontro aconteceu em um parque e não havia serviço

Questões geracionais no feminismo

Quase todo mundo que está no movimento feminista já deve ter sentido que há questões geracionais importantes que perpassam a lógica das organizações. Contudo, dada a complexidade do tema, ainda são raros os debates profundos. É importante procurar materiais para que possamos aprofundar nossos debates sobre o assunto e avaliar o contexto do feminismo no