Mulheres na História

Documentário “She’s beautiful when she’s angry” fala do movimento feminista americano dos anos 60 e 70.

Durante as mamadas da Iara, assisti, no Netflix, o documentário “She’s beautiful when she’s angry”, que apresenta a criação e a evolução do movimento feminista americano dos anos 60 e 70. Há uma série de entrevistas com mulheres importantes para a condução de várias causas e lutas e como elas inspiraram toda uma geração. Além

#leiamulheres especial mulheres negras: “Um defeito de cor”, Ana Maria Gonçalves

Ana Maria Gonçalves escreveu um dos mais importantes romances da literatura brasileira sobre as mulheres negras: “Um defeito de cor”. Trata-se da primeira grande saga histórica em voz feminina no romance brasileiro. A nossa segunda indicação do #leiamulheres nos conta a história de uma africana idosa, cega e à beira da morte, que viaja da

Trabalho Doméstico: Desafios para a Conquista de Direitos

“A atuação histórica das mulheres esteve submersa no silêncio da historiografia tradicional e de seus autores, que puderam empreender explicações de mundo sem ao menos mecioná-las” (Lorena Féres da Silva Telles, “Libertas entre sobrados”, 2014). A nossa historiografia silencia de tal maneira a luta das mulheres, em especial as mulheres negras, que – arriscamos dizer

Uma mulher inconfidente

Da maneira como a história do país nos é contada, raramente sabemos como foi a história das mulheres em momentos decisivos da historia política do nosso país. Resgatar essas histórias é dar visibilidade à luta daquelas que lutaram com coragem por mudanças, numa sociedade ainda mais machista do que a que vivemos hoje. Hoje, dia

Travestis na Ditadura Militar

Em texto para a Revista Fórum, Fernanda Dantas Vieira fala das novas informações sobre homossexuais e travestis no período da ditadura militar. A partir de informações divulgadas pela Comissão Nacional da Verdade, Fernanda destaca a repressão policial às travestis que se prostituíam e a sua invisibilidade, mesmo em movimentos de esquerda. Segundo Fernanda: Outro aspecto

Um ano da morte de Cláudia Ferreira

Hoje completa um ano da morte de Cláudia Ferreira. Mãe de quatro filhos, ela foi covardemente arrastada por um carro da polícia após ser baleada no pescoço numa troca de tiros entre a PM do Rio e traficantes. A história de Cláudia é um símbolo para a luta das mulheres negras na periferia do Rio

8 de março, dia de luta das mulheres

O Dia Internacional da Mulher foi proposto por Clara Zetkin em 1910 no II Congresso Internacional de Mulheres Socialistas. Nos anos posteriores a 1970 este Dia passou a ser associado a um incêndio que ocorreu em Nova Iorque em 1911. Mas na verdade, a cronologia que levou à escolha da data – o que só

Revista de História lança edição sobre movimento feminista

“Modos de fazer, modos de pensar” Desde o século XIX, os movimentos feministas vêm alertando para as tragédias sociais do Brasil. Tema é discutido na Revista de História de fevereiro. Acesse: http://www.revistadehistoria.com.br/secao/carta-do-editor/modos-de-fazer-modos-de-pensar

MEMÓRIA FEMINISTA: homenagem a Heleieth Safiotti na Universidade de Brasília

Na noite de ontem (26/1), o Gccrim – Grupo Candango de Criminologia, da Faculdade de Direito da Universidade de Brasília (UnB) realizou um encontro para homenagear a socióloga Heleieth Bongiovani Saffioti (1934-2010). Foi um evento muito importante, como de sorte devem ser todos os eventos e atividades que tenham como objetivo resgatar a memória feminista e

Heleieth deixa uma imensa contribuição para o Feminismo e para a Sociologia

Heleieth Saffiotti (1934-2010) – Com imenso pesar registramos o falecimento da socióloga feminista Heleieth Saffioti, hoje (14), em São Paulo.