Cultura

#Agoraéquesãoelas

Essa semana começou um novo movimento denominado #Agoraéquesãoelas, uma campanha na qual diversos homens cedem espaços das suas colunas em grandes jornais e portais na internet para que mulheres ativistas feministas possam falar da sua luta. Essa campanha é mais adquire grande repercussão por pautar a importância das mulheres terem voz na sua luta cotidiana

A origem do termo VIRGEM

“Antigas sacerdotisas da lua eram chamadas de virgens. ‘Virgem’ significava não-casada, não-pertencente a um homem – uma mulher que era UMA EM SI MESMA. A palavra deriva do Latim, significando força, habilidade, e mais tarde foi aplicada a homens como ‘viril’. Ishtar, Diana, Astarte, Isis eram todas chamadas Virgens, o que não se referia à

Feministas e suas histórias

Pesquisa: resultado de trabalho acadêmico, livro que será lançado no próximo mês revela a biografia de mulheres brasileiras que fizeram história ao atuar em favor do feminismo Karina Fusco karina.fusco@rac.com.br Foto: Edu Fortes/AAN ‘São mulheres (citadas no livro) com histórias de vida interessantes e experiências da inserção política que se saíram muito bem, apesar das

III Encontro de Mulheres de Terreiro do Centro Oeste

A Central Organizada de Matriz Africana, como patrocínio da PETROBRAS, realizará nos dias 27 a 29 de setembro, o III Encontro de Mulheres de Terriro do Centro Oeste. O evento será realizado no Centro Espírita Caboclo Boiadeiro, em Sobradinho II AR 2/4, Área Especial 2 Lote 1. Serão discutidos temas como violência doméstica, saúde da

Festival de Cinema de Brasília reabre inscrições para seminários

Ádlia Tavares – Da Secretaria de Comunicação da UnB Atividades são realizadas em parceria com o programa de Pós-Graduação em Comunicação da UnB O Coletivo Porta dos Fundos, fenômeno do humor nacional na internet, e os cineastas Walter Carvalho e René Sampaio estão entre os convidados da série de seminários acadêmicos do 46º Festival de Brasília

As primeiras candangas

Exposição no Museu Nacional dos Correios resgata imagens e relatos de moradoras na época da construção da capital. O cenário, com vestuário, utensílios e mobiliário, vai transportar o espectador para as décadas de 1950 e 1960. » Amanda Maia Correio Braziliense Publicação: 09/04/2013 04:00 Algumas participaram do elegante baile de inauguração da capital, no Palácio do

Senado inaugura exposição sobre os direitos das mulheres

O Senado uniu a comemoração dos 25 anos da Constituição Brasileira e as celebrações do mês da mulher para inaugurar, na manhã desta quarta-feira (6), a exposição “As cidadãs e a Constituição: 25 anos de lutas e conquistas no Brasil”. A mostra ficará aberta ao público no Espaço Senado Galeria até o dia 31 de