Política Institucional

2º Relatório Anual Socioeconômico da Mulher faz diagnóstico para subsidiar políticas públicas

(Agência Patrícia Galvão, 09/04/2015) Publicação agrupa indicadores sobre estrutura demográfica brasileira, autonomia econômica e igualdade no mundo do trabalho, saúde integral, direitos sexuais e reprodutivos, educação, enfrentamento à violência, mulheres em espaços de poder e decisão, e esporte com recorte de gênero. A edição de 2014 do Relatório Anual Socioeconômico da Mulher (RASEAM), divulgada ontem

Carole Pateman participa de debate sobre participação política das mulheres

O Painel Pequim+20: Mais Mulheres na Política discutirá as perspectivas de superação dos principais obstáculos para a participação das mulheres brasileiras na política parlamentar no curto, médio e longo prazo. O evento ocorrerá em Brasília mas terá transmissão online pelo site do Interlegis. Carole Pateman (1940-) é cientista política, conhecida como crítica da democracia liberal

Jean Wyllys apresenta projeto pela Legalização do Aborto no Congresso Nacional

O deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ) protocolou hoje projeto de lei que estabelece a política pública para saúde sexual e regulamenta a interrupção da gravidez indesejada. O PL 882/15 prevê a legalização do aborto até 12 semanas de gestação no Sistema Único de Saúde (SUS) se a mulher assim o quiser. No texto do projeto, o

Dilma sanciona lei do Feminicídio

Na solenidade em que sancionou hoje (9) a lei que coloca o feminicídio na lista de crimes hediondos e o considera homicídio qualificado, a presidenta Dilma Rousseff fez um discurso em defesa dos direitos e do protagonismo das mulheres. Ao citar outros tipos de discriminação, como a racial e a contra homossexuais, Dilma disse que

Feminicídio passa a ser considerado crime hediondo

A Câmara aprovou hoje (3) o projeto de lei do Senado que classifica o feminicídio como crime hediondo e o inclui como homicídio qualificado. O texto modifica o Código Penal para incluir o crime – assassinato de mulher por razões de gênero – entre os tipos de homicídio qualificado. O projeto vai agora à sanção

INESC lança vídeo sobre sub-representação no parlamento

O Inesc lançou no mês passado um vídeo sobre a sub-representação de mulheres, negrxs e indígenas no Congresso Nacional. Os dados fazem parte de um estudo, lançado pela mesma organização, em 2014, a partir dos dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O resultado, aponta para a necessidade imediata de uma reforma política que qualifique a

Mulheres que trabalham com economia solidária participam de Conferência Brasília

A Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM-PR) promoveu nesta quarta e quinta-feira (26 e 27/11), em Brasília, encontro com cerca de 800 mulheres que atuam com economia solidária no país. Na abertura do evento, a ministra da SPM, Eleonora Menicucci, destacou a importância da participação da mulher neste segmento da

Inesc apresenta dados dsobre negros, indígenas e mulheres nas eleições 2014

Fonte: INESC Organizações sociais que defendem os direitos dos negros/as, dos povos indígenas e das mulheres se reuniram na última sexta-feira, 19/9, em Brasília para discutir os resultados da análise “Perfil dos Candidatos às Eleições 2014: sub-representação de negros, indígenas e mulheres: desafio à democracia”. A publicação traz informações raça/cor, sexo, partidos políticos, Unidade de

Porque aborto não pode ser tema de plebiscito

*Este texto é uma complementação de post divulgado na página da  Frente Nacional Contra a Criminalização das Mulheres e pela Legalização do Aborto no facebook. A legalização do aborto é sempre um tema presente no período eleitoral, embora a maior parte das/dos candidatas/os insista em contornar a questão. A candidata Marina Silva (PSB) é uma

Observatório Feminista do NEIM lança boletim sobre as eleições

O Observatório da UFBA lança um boletim rápido sobre a propaganda política e os destaques das discussões de gênero. Acesse AQUI.