Obras Mestras da Arte Feminista no México – um projeto de Monica Mayer

Obras Mestras da Arte Feminista no México – um projeto de Monica Mayer

“Archiva: Obras maestras del arte feminista en México”, é um proheto de Monica Mayer realizado com o fim de – mais um vez – dirigir os refletores para a arte feminista e para as artistas que a produzem. Contém 76 obras que, segundo duas próprias palavras, são uma seleção baseada em sua própria experiência, memórias, e nos arquivos do seu projeto Pinto mi Raya.

ARCHIVA_1

Para Monica, é urgente visibilizar a arte das mulheres e especialmente a arte feminismo, tanto na arte contemporânea como no próprio movimento feminista. Além disso, a artista aposta no questionamento da autoinvisibilização a que as artistas estão submetidas. Sua proposta pretende questionar os cânones estabelecidos e os processos de legitimação que as avaliam e as excluem.

As 76 obras da ARCHIVA incluem a geração de artistas dos anos 1970 – como Pola Weiss, Maris Bustamante, Carla Rippey, Lucero González, Polvo de Gallina Negra -, mas também as novas aguerridas artistas feminista. Monica Afirma que sua lista não tem a pretensão de ser definitiva, pelo contrário: precisa continuar crescendo como cresce a arte das mulheres que criam obras feministas.

Durante o Encontro Feminista do México, de outubro de 2013, Monica apresentou a ARCHIVA como uma performance durante os dias do Encontro. Monica Mayer também criou cinco exemplares da ARCHIVA para serem incluídos como acervo documental de museus.

Para acessar a versão virtual da ARCHIVA, ACESSE AQUI!

*Texto traduzido. Original em espanhol disponível no site Provocarte.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>