Parceria MAMU e Universidade Livre Feminista

Parceria MAMU e Universidade Livre Feminista

Queremos anunciar uma novidade super legal para este final de ano! A Universidade Livre Feminista, rede colaborativa de formação e comunicação feminista, e o MAMU-Mapa de coletivos de mulheres, estão agora em parceria para a construção, interativa e colaborativa, de um amplo mapeamento dos grupos, coletivos, projetos, ações, iniciativas, organizações e movimentos de mulheres e feministas no Brasil.

A Universidade Livre Feminista é um espaço feminista virtual, de construção coletiva, interessada em dar visibilidade às ações dos movimentos de mulheres. E tem tudo a ver com o MAMU, e sua vontade de valorizar os coletivos de mulheres e facilitar o acesso das pessoas interessadas em conhece-los melhor.

A ideia é dar maior visibilidade aos diversos espaços de organização, articulação e mobilização das mulheres no país e, deste modo, facilitar o acesso do público que os procura, fomentando a criação de redes, estimulando parcerias, possibilitando que os diversos coletivos se conheçam e se reconheçam no atual contexto de mobilização social e política que usa a internet como meio de articulação, comunicação, intercâmbio e o desenvolvimento de práticas colaborativas. Estamos no início dessa jornada, mas a expectativa é ter todo o Brasil mapeado!  Como recurso, usamos o OpenStreetMap, e o site está em WordPress. Tudo em Software Livre! No mapa, é possível ver cada um dos pontos (grupo, organização, projeto, movimento, ação), trazendo junto informações básicas sobre cada iniciativa – onde está localizada, como se organiza, ações que desenvolve, formas de contato, etc.

Por enquanto, os coletivos estão identificados no mapa a partir das seguintes características:

Pontos roxos: coletivos com endereços físicos;

Pontos verdes: coletivos sem endereços físicos (marcados no mapa de forma aleatória, representando o seu estado e origem, mesmo que a sua abrangência seja nacional).

Pontos amarelos: projetos, ações e iniciativas desenvolvidos não necessariamente por coletivos.

*Há coletivos classificados como “web” (sites, blogs, e outras plataformas com os conteúdos articulados virtualmente) e  “movimentos nacionais” (organizados a partir de uma causa mais ampla e de abrangência nacional) – não há uma região exclusiva como origem, nenhum endereço apontado, portanto, não são geolocalizados no mapa.

Nossa proposta é construir um mapa dinâmico, aberto e vivo, pronto para a inclusão de cada coletivo formado e/ou encontrado. Por isso estamos recebendo dados e informações de grupos e projetos que queiram ser mapeados. Caso seu “coletivo” queira figurar em nosso mapa, ou se conhece algum coletivo que queira indicar, pedimos que preencha o “Cadastro” em (http://www.mamu.net.br/?page_id=237) com os dados que servirão de base para o mapeamento. Se quiser tiver alguma dúvida ou sugestão, entre em contato com a gente: contato@mamu.net.br ou contato@feminismo.org.br.

Um beijo e bom final de ano para todas!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>